Destaques Destaques

Voltar

UFPE inaugura laboratório de pesquisa com nível 3 de biossegurança

Resultado de um investimento de R$ 1 milhão, o Laboratório NB3 centrará suas atividades, nesse momento de pandemia, em ações de enfrentamento à covid-19

“Nosso desejo é que esse laboratório seja uma plataforma importantíssima para a sociedade na resolução dos graves problemas e que, inclusive agora, com a questão da pandemia, possa também contribuir para o avanço e a inovação da pesquisa, além de inovar do ponto de vista da governança”. Assim, o reitor Alfredo Gomes pontuou a inauguração, hoje pela manhã (16), do Laboratório de Biossegurança de Nível 3 (NB3), localizado no Núcleo de Pesquisa em Inovação Terapêutica Suely Galdino (Nupit SG), no Campus Recife da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Inserida no rol de comemorações pela passagem dos 75 anos da Universidade, a abertura do novo equipamento representa abre espaço para pesquisas com micro-organismos que acarretam elevado risco individual, resultado da exposição por inalação de agentes potencialmente fatais, chamados patógenos de risco biológico da classe 3.

Fotos: Anderson Lima

Inauguração contou com restrito grupo de pessoas

Resultado de um investimento de R$ 1 milhão, o Laboratório NB3 centrará suas atividades, nesse momento de pandemia, em ações de enfrentamento à doença. Entre os trabalhos a serem desenvolvidos estão o sequenciamento genômico do SARS-CoV-2; o desenvolvimento de kits de diagnóstico rápido e biodispositivos sensores flexíveis descartáveis para o diagnóstico do vírus; a busca por novos fármacos para o tratamento de pacientes; o desenvolvimento de estratégias vacinais; entre outras atividades.

Para o vice-reitor Moacyr Araújo, a Universidade Federal mais uma vez dá um passo importante, inovando e se aproximando mais ainda da sociedade. “É uma responsabilidade que vai além de nossos muros e que também traz a possibilidade de desenvolvimento de pesquisas de alto nível em um tema extremamente pertinente como esse que a gente está vivendo, com essa pandemia”, afirmou ele.

Novo espaço servirá para a realização de diversas pesquisas

Segundo a professora Michelly Pereira, pesquisadora do Nupit SG e coordenadora do novo laboratório, o ambiente “poderá atender todos da Universidade que tiverem interesse e pesquisas com esses agentes de nível 3 de biossegurança; a gente já tem grupos aqui na UFPE que estão estudando novas alternativas vacinais e terapêuticas, o tratamento para diversas viroses, inclusive o SARS-CoV-2 que poderão ser desenvolvidas nesse espaço”, adianta. Michelly avalia que o laboratório nível 3 de biossegurança irá ampliar e colocar a UFPE em um cenário de muito mais destaque em relação às pesquisas.

Devido às restrições para conter a transmissão do novo coronavírus, a cerimônia de inauguração, que foi antecedida por uma visita ao espaço, contou com restrito grupo de participantes, entre eles, a professora Maira Pitta, pesquisadora do Nupit SG e secretária executiva da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento (Fade); Pedro Carelli, pró-reitor de Pesquisa e Inovação da UFPE; Alter Aquino, diretor de Fiscalização de Obras da Superintendência de Infraestrutura da Universidade; e Luiz Alberto Mattos, diretor do Centro de Ciências Médicas (CCM).

ESTRUTURA – O espaço conta com sistema de despressurização de ar ambiental microprocessado/pressão negativa e está equipado com ultrafreezer vertical -80ºC, cabine de segurança biológica, esterilizador HI VAC II (autoclave de barreira), incubadora de CO2 e banho de troca térmica com beads. O local segue todas as premissas do Manual SVS/MS/2015 – Biocontenção: O Gerenciamento do Risco em Ambientes de Alta Contenção Biológica NB3.

Data da última modificação: 23/08/2021, 18:57