Voltar

Crise ambiental é analisada por Carlos Nobre no Giro Nordeste

Referência no estudo do clima, cientista é convidado do programa que vai ao ar nesta sexta (23) na TVU

Programa de abrangência regional, com transmissão também para o Espírito Santo e São Paulo, o Giro Nordeste recebe nesta semana o cientista Carlos Nobre, um dos maiores especialistas do país em temas como clima, meio ambiente e aquecimento global. A atração, transmitida a partir dos estúdios da TVE Bahia e exibida pela TV Universitária (canal 11.1) nesta sexta-feira (23), a partir das 18h, parte de uma provocação sobre extremos climáticos para discutir temas urgentes como a reconstrução sustentável da economia no pós-pandemia, agricultura regenerativa, respeito ao Acordo de Paris (de redução de emissão de gases promotores do efeito estufa), o fim da queima de combustíveis fósseis e a migração global para energia renováveis, entre outros assuntos. 

Uma das principais preocupações do cientista que pesquisa a região amazônica desde a década de 1970 diz respeito, naturalmente, à chegada de mudanças climáticas significativas bem antes do que se esperava. “Uma marca clara são as ondas de calor e a seca extrema no mundo inteiro”, alerta Carlos Nobre. “O que vemos globalmente é a irracionalidade humana, que provoca incêndios na vegetação de todo tipo de bioma. Se não forem reduzidos, eles vão se tornar a nova normal do clima.” Participam do Giro, fazendo perguntas ao entrevistado da semana, jornalistas de emissoras públicas de rádio e TV, de todos os estados da região. A atração é ancorada por Juraci Santana e, na bancada de Pernambuco, nesta sexta, está a jornalista Isa Maria (TV Pernambuco).  

Outro destaque na conversa do presidente do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas e pesquisador sênior do Instituto de Estudos Avançados da USP com a bancada de jornalistas nordestinos é a percepção do mundo em relação ao Brasil na questão ambiental. “De protagonista na defesa da preservação, o Brasil se transformou, nos últimos anos, em pária global ambiental, com recorde de queimadas e desmatamento neste 2020”, pontua Carlos Nobre. Além da tela da TVU Recife, o programa pode ser conferido no site da emissora e ainda no canal da TVE Bahia no YouTube.  

Data da última modificação: 23/10/2020, 19:03