Voltar

Bloco carnavalesco da UTI busca prevenir lesões por pressão

A concentração do bloco será, às 7h30, na UTI, onde haverá um café da manhã e distribuição de camisetas

A Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas da UFPE promove, amanhã (19), pelo terceiro ano, o “Quem não virou...Virará” – um bloco carnavalesco educativo que tem o objetivo de estimular os profissionais de saúde a prevenir as lesões por pressão nos pacientes internados no HC. A ação será, a partir das 8h, na Portaria 1 do HC e conta com a parceria da UTI Neonatal.

A chefe da UTI Adulto do HC, Michele Godoy, explicou que os pacientes que estão acamados, restritos ao leito e com dificuldades de movimentação, muitas vezes podem desenvolver lesões por pressão (conhecidas antigamente como escaras) por permanecerem na mesma posição. “Para evitar esse tipo de lesão, é importante que o profissional de saúde promova a mudança de posição sistematicamente. Essas lesões podem levar a formação de feridas e infecções”, afirmou. A médica acrescentou que a ideia do bloco é, justamente, a de estimular os profissionais à mudança de decúbito. “Por isso é que o nome é ‘Quem não virou...Virará’”.

Para estimular os colaboradores, a equipe da UTI criou quatro frevos com letras que falam sobre a importância de modificar a posição do paciente. “Há um engajamento de todos os profissionais nesta ação. Todos têm consciência da importância da mudança, e os frevos falam sobre isso”, acrescentou Michele.

A concentração do bloco será, às 7h30, na UTI, onde haverá um café da manhã e distribuição de camisetas. O HC é uma unidade vinculada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

Confira aqui o convite e o frevo educativo sobre o assunto.
 

Data da última modificação: 18/02/2020, 14:15